Pesquisar Search

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Jean Lowrie, 1918-2014


Esta foto foi retirada de uma brochura editada em sua homenagem, em 2013, aqui, quando da criação de uma bolsa de estudos universitária criada em sua homenagem, e por gratidão.


No domingo 9 de novembro faleceu com 96 anos Jen Lowrie, uma das fundadoras da IASL International Association of Schoollibrarianship.
Com uma extensa carreira profissional como bibliotecária, a sua teses de doutoramento em 1961 incidiu precisamente sobre bibliotecas escolares. A sua intervenção foi decisiba na criação da IASL na Jamaica, em 1971, com a missão de promover programas efetivos de bibliotecas escolares como um instrumento vital no processo educativ, bem como oferecer orientações e apoio no desenvolvimento de bibliotecas escolares e dos profissionais que a elas se dedicam.
Em 1972, apresentou em encontros da WCTP Wprld Confederation of the Teaching Professiom uma comunicação sobre os desenvolvimentos internacionais de bibliotecas escolares, que publicou, e que mais tarde reeditaria,  atualizada, com Mieko Nagakura.
Aposentou-se em 1983, tendo sido nomeada Professora Emérita pela Universidade de Western Michigan, onde dirigira o Departamento de Biblioteonomia entre 1970 e 1983.
Foi presidente da ASLA American Association of School Librarians (1963-64),  e da própria ALA American Library Association  (1973-74), bem como da IASL (1971-77), continuando nesta a integrar o secretariado executivo até 1996. Em 1988, a IASL homenageou-a com a criação de um Prémio Internacional IASL Jean Lowrie com o seu nome, que reconhece percursos de desenvolvimento de liderança em prol das bibliotecas escolares, em países da Zona C, e foi complementado com o Prémio IASL Ken Haycock, para as restantes zonas do globo. Em 2013, foi atribuído a Cosmas Mabeya, Equal Education South Africa, Capetown, South Africa





Em 2006, esteve em Lisboa no Congresso da IASL que aí se realizou, e participou ativamente, apesar das suas limitações de mobilidade.
Sobre ela, disse Sigrun Klara Hannesdotter, outra histórica combatente das mesmas causas, islandesa: "Duvido que muita gente tenha consciência do enorme contributo da Drª Jean E. Lowrie para a biblioteconomia, e em particular pelas bibliotecas escolares em todo o mundo. Batalhou sempre pelo desenvolvimento das bibliotecas escolares em toda a parte e usou a sua infatigável imaginação  para apontar novos caminhos que o guiassem."

Devemos-lhe muito. Pessoalmente, estou-lhe muito grata pela inspiração e o discreto apoio, sempre numa perspetiva global centrada nos direitos humanos, tão atual hoje como há sessenta e três anos.

A família (4 sobrinhos, oito sobrinhos/as-netos/as e uma sobrinha-bisneta) recebe condolências na First Prebyterian Church de Stuart, Florida, USA. Quem queira fazer contribuições em sua memória pode destiná-las ao Projeto de Prémio da IASL para Literatura Crianças, de Margo Nilson, ou entregá-las a um projeto de solidariedade à sua escolha.

R. I. P.

Sem comentários: